; //]]>

29/12/2014

RESENHA: Diário de Um Adolescente Hipocondríaco

    Tem alguns livros que eu já havia lido, mas não tinha feito resenha. Um deles é Diário de Um Adolescente Hipocondríaco.



SINOPSE: A história de um garoto de 14 anos com problemas universais - quer se matar por causa das espinhas, briga com a irmã dia e noite, e acha que sua mãe é incapaz de compreendê-lo.



















RESENHA: Peter Payne é um adolescente de quatorze anos, que vai para o colégio de bicicleta, apaixonado por uma garota da sua classe, sobrevive com a timidez, a implicância com suas duas irmãs e sofre de hipocondria.
  Sua mãe o presentei com um diário, onde ele passa a desabafar sobre sua vida, junto com relatos engraçados. Ele também gosta de ler escondido o diário de sua irmã mais nova (Diário da Susie).
   Sua professora diz a Peter que ele é hipocondríaco, ele não sabe o que significa e acha que pode ter uma doença grave. Peter começa a procurar escondido o que isso quer dizer, com medo que seus colegas descubram e pensem que ele tem alguma doença contagiosa. 
  Suas experiências pessoais e tudo que ler (trabalhos escolares e matérias sobre doenças, ele cola no seu diário.) São diversos assuntos: Acidentes, drogas, sexo (camisinhas, pílula, DST, etc), depressão, regimes, etc.
  Peter também lhe dar com aqueles comentários indesejados dos parentes, como "os pelos já estão aparecendo" e com os problemas para esconder as espinhas.


    O livro é maravilhoso, em especial para o publico adolescente. Ele aponta vários fatos que nós jovens vivemos no dia-a-dia. O melhor de tudo é que nos ajuda a lidar com tudo isso. Viajar com os pais, gravidez indesejada, aquela paixão adolescente, problemas com massa corporal, altura, drogas, e alguns relatos que Peter conta em seu diário.
  O livro é bom tanto em história tanto em material. É um livro pequeno de 70 páginas, e a capa dele é relacionada a um acidente no decorrer da trama. Para acompanha a leitura tem também algumas ilustrações em preto e branco.
     Pra quem está acostumado a ler livros relatados somente por personagens femininos, eu recomendo esse livro. Ele não serve somente para garotos, mas trata de assuntos para os dois sexos. Eu já li quatro vezes (é não enjoei).

Autores: Aidan Macfarlane e Ann Mcpherson 
Gênero: Infanto Juvenil
Avaliação: 3/5 
Editora: Editora 34
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário